Esporte Nordeste

News

Navegação

Série B: Ceará vence confronto com Vila Nova entra no G-4

Amplamente superior no primeiro tempo e eficiente no segundo, o Ceará venceu o Vila Nova por 2 a 0 na noite desta terça-feira e levou a melhor no confronto direto pelo G-4. Elton e Magno Alves marcaram os gols na Arena Castelão e colocaram o Vozão no grupo de acesso. O Tigre, por sua vez, saiu derrotado mesmo crescendo na etapa final e foi ultrapassado na tabela.


Agora com 48 pontos, o Ceará entra no G-4 e tira o Vila Nova, que estaciona nos 46. Após 12 rodadas seguidas entre os quatro melhores, o Tigre cai para o quinto lugar e ainda pode terminar em sexto, dependendo dos resultados. Vozão e Tigre voltam a campo apenas no dia 14 de outubro. Os cearenses visitam o Oeste, na Arena Barueri, enquanto os goianos têm o clássico contra o Goiás no Serra Dourada.

O Ceará atropelou o Vila Nova no primeiro tempo e poderia ter ido para o intervalo vencendo até por uma vantagem maior. O Vozão teve ótimas chances com Leandro Carvalho, Ricardinho e Élton, mas parou no goleiro Luis Carlos ou em finalizações para fora. Quando Elton calibrou o pé, porém, o time da casa abriu o placar. Aos 29 minutos, o atacante bateu com estilo da entrada da área e acertou no cantinho. Belo gol. O Tigre, sem criatividade, quase não chegou à frente.

Na etapa final, o Vila conseguiu inverter o cenário e passou a controlar as ações ofensivas. O Tigre chegou com perigo em oportunidades com Tiago Adan e Geovane. No entanto, o Ceará ainda tinha as chances mais claras, pois era letal no contra-ataque. Pedro Ken era quem mais assustava. Ele carimbou o travessão e depois tirou tinta da trave. Só que coube ao veterano Magno Alves, de 41 anos, dar números finais ao jogo. Ele entrou e mostrou o tradicional faro de gol para selar o triunfo alvinegro por 2 a 0, balançando as redes já nos acréscimos, aos 46 minutos.

GE
Share

Gospel Bahia

Esporte nordeste mostra o futebol dos times nordestino atuando nas principais competições esportivas do Brasil

Deixe sua Opinião:

0 comments: