Esporte Nordeste

News

Navegação

CRB é goleado pelo Londrina por 4 a 1

O Londrina contou com o apoio de sua torcida que compareceu ao Estádio do Café, na noite desta sexta-feira, para golear o CRB pelo placar de 4 a 1. O primeiro gol do duelo foi anotado pelo experiente meia Germano, ainda no primeiro tempo. Nos últimos 45 minutos, mesmo com um jogador a menos, o Londrina ampliou com Ayrton, Boavantura (contra) e Marcinho.


Com o resultado, o Londrina chegou à 37 pontos e assumiu a nona colocação da Série B do Brasileirão. Com 11 rodadas para o fim do torneio, o clube do Sul do país está a oito pontos do Vila Nova, primeiro clube da zona de classificação à Série A de 2018. Na próxima rodada, o LEC enfrenta o Criciúma, fora de casa.

Já o CRB se complicou com o resultado. Com 32 pontos, a equipe está perto da zona de rebaixamento, a apenas três pontos. A sequência do clube nordestino é preocupante: seis derrotas consecutivas. Na próxima rodada, o clube encara o lanterna ABC, em seus domínios.

O jogo – O CRB entrou em campo na noite desta sexta-feira ostentando um retrospecto de cinco derrotas consecutivas na Série B. Sabendo da má fase do adversário, o Londrina pressionou o clube nordestino e logo abriu o placar. Com seis minutos de jogo, após cobrança de falta, Germano, em posição de impedimento, recebeu bola na pequena área e chutou na saída do goleiro: 1 a 0.

Com o revés sofrido, o CRB procurou ficar mais com a bola e ir atrás do gol de empate. No entanto, o Galo esbarrava na falta de criatividade de seu setor ofensivo e não conseguia criar jogadas de perigo. Enquanto isso, o Londrina desperdiçou boa chance de ampliar. Artur levantou bola na medida para Germano, que cabeceou firme mas mandou para fora.

No segundo tempo, o Galo mostrou que iria se lançar ao ataque, e logo com dois minutos, Pablo fez jogada individual e bateu firme, jogando perto do travessão do goleiro César. O Londrina encontrava dificuldades para sair com velocidade no contra-ataque, e via o CRB ficar mais com a bola nos pés.

A situação parecia melhorar para o Galo nordestino quando o volante Jumar, do Londrina, recebeu cartão vermelho após falta dura em Danilo Pires. Contudo, apenas quatro minutos depois da expulsão, o Tubarão marcou o segundo gol da partida: o lateral Ayrton fez linda jogada individual e chutou na saída do goleiro Juliano.

Logo na sequência, a torcida do Londrina voltou a comemorar. Carlos Henrique cruzou bola na área do CRB e o zagueiro Boaventura tentou cortar, mas acabou mandando contra o próprio patrimônio: 3 a 0 para o Tubarão. Com um jogador a mais, o CRB passou a jogar com apenas dois defensores e mandou seus laterais avançarem. Como resultado, o Galo descontou com Adalberto aproveitando cobrança de escanteio.

Com o Londrina adotando postura defensiva, o Galo nordestino não conseguiu furar as linhas de marcação do time da casa. Enquanto isso, já nos acréscimos, Marcinho, que havia acabado de entrar, driblou Boaventura e chutou no cantinho, decretando a goleada do Tubarão por 4 a 1.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA 4 X 1 CRB

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data: 29 de setembro de 2017, sexta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (CBF-MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (CBF-MG) e Sidmar dos Santos Meurer (CBF-MG)
Cartões amarelos: Jumar (Londrina); Adalberto (CRB)
Cartão vermelho: Jumar (Londrina)
GOLS:
Londrina: Germano aos seis minutos do primeiro tempo, Ayrton aos 16 do segundo, Boaventura (contra) aos 18 e Marcinho aos 50
CRB: Adalberto aos 24 minutos do segundo tempo

LONDRINA: César; Lucas Ramon (Marcinho), Dirceu, Edson Silva e Ayrton; Germano, Jardel e Jumar; Negueba (William Henrique), Artur e Carlos Henrique (Bidía)
Técnico: Cláudio Tencati

CRB: Juliano; Edson Ratinho, Flávio Boaventura, Adalberto e Diego; Olívio, Danilo Pires (Zé Carlos), Tony e Elvis; Neto Baiano e Marlon (Pablo Diogo)
Técnico: Mazola Junior

G.Esportiva
Share

Gospel Bahia

Esporte nordeste mostra o futebol dos times nordestino atuando nas principais competições esportivas do Brasil

Deixe sua Opinião:

0 comments: